As redes de distribuição no Brasil compreendem basicamente os sistemas de 36,2, 25 e 15 kV para a distribuição primária, e 380 e 110 V para a distribuição secundária. De maneira simplificada, estas redes são constituídas de transformadores, condutores elétricos e cargas em arranjos que devem considerar fatores como a qualidade do serviço desejada, a disponibilidade de recursos e a taxa de retorno de capital fixada.

Lista de arquivos (clique no(s) link(s) abaixo para ver o(s) documento(s))
Doc. 151-tr-ie- ga Rompendo_paradigmas_concepção_redes_distribuição (1).pdf
Tamanho99.19 KB
Criado em10/07/2015
Atualizado em11/12/2015

Tags:

  condutores elétricos     distribuição primária     distribuição secundária     redes de distribuição  
Download